Videojogos e Arte: uma importante permeabilidade

Videojogos e Arte: uma importante permeabilidade

André Carita

Abstract: Os videojogos são artefactos artísticos e culturais inegáveis. A sua história, rica e diversificada, apresenta episódios que deverão servir de exemplo para a criação e dinamização de uma indústria cultivada pelo saber e pela criatividade necessários à produção de conteúdos de entretenimento. É, pois, fundamental pensar os videojogos como o resultado de um conjunto de recursos humanos que usam a tecnologia de que dispõem para concretizar as visões artísticas dos seus principais criativos.

Más detalles

2,05 € IVA incluido

Añadir al carrito

Taito, 'Space Invaders', 1978

Viideojogos e Arte: uma importante permeabilidade

 

Extracto 1

 

Se há alguns anos transactos muitos dos profissionais da indústria cresceram a jogar Pong, Space Invaders ou Pac-Man, actualmente muitos jovens que procuram especializar-se para trabalhar nessa indústria cresceram a jogar títulos bem mais complexos, detalhados e imersivos. Dificilmente se repetirá o que aconteceu aos irmãos Richard e David Darling, que fundaram a Codemasters depois de aprenderem sozinhos a programar e a criar os seus próprios videojogos em casa, ou a Eric Chahi, que sozinho criou Another World, ambicionando objectivos equivalentes aos muitos títulos lançados todos os anos.

 

Mais do que saber programar, para se criar um videojogo com um elevado nível de ambição, é necessário conciliar inúmeras áreas científicas e artísticas com um profundo grau de conhecimento em matérias específicas (desenho, escrita, modelação, animação, programação, design, som, entre muitas outras).

 

 

Extracto 2



Actualmente, os videojogos já conseguiram expandir a sua totalidade a um conjunto de correlações com diversas artes. Ao analisar-se, por breves momentos, o ponto a que a indústria dos videojogos chegou, pode-se concluir que tal se deve, em grande parte, às correlações criativas que surgiram ao longo dos anos e que elevaram os videojogos a patamares artísticos de relevo. Isto reflecte a interdependência das artes para evoluírem e adaptarem-se às tendências marcadas pela novidade, bem como, e em especial nos videojogos, para colmatar a explícita necessidade que a sua indústria apresenta para crescer e amadurecer ainda mais. Mencionar “arte” e “indústria” serve o propósito de eliminar uma certa ideia de incompatibilidade. De forma sintética, “a arte e a indústria devem estar colocadas uma ao lado da outra, na divisão do trabalho social. (…) A arte é criadora, e a indústria é produtora”. No contexto dos videojogos, a sua história deixou também importantes registos sobre a necessidade dessa dependência, sendo a queda da Atari um dos mais marcantes. Depois do seu fundador Nolan Bushnell ter vendido a Atari à Warner Communications, a nova gerência adoptou um modo diferente de gestão. Como resultado, os seus melhores game designers, como David Crane, decidiram abandonar a empresa, devido à falta de crédito que lhes era dado pelas suas criações, para formar uma outra (Activision) e assim publicarem os seus próprios títulos para a consola Atari 2600. A qualidade dos videojogos da Activision acabou por superar em larga escala os da Atari, tornando-se, na altura, numa das maiores produtoras. Se por um lado a Atari perdeu grande parte dos seus melhores artistas criativos, por outro, a indústria ganhou a Activision e criações como Kaboom! ou Pitfall!.

  • 01. Autor/a/es: André Carita
  • 02. Título del contenido: Videojogos e Arte: uma importante permeabilidade
  • 03. Palabras clave: Tecnologia, evolução, indústria, correlações, entretenimento
  • 04. Fecha de publicación en DEFORMA Cultura Online: 27/07/2012
  • 05. ISSN de esta publicación: 2254-2272
  • 06. Revisado por pares: Si
  • 07. Idioma de publicación: Portugués
  • 08. Número de páginas: 13
  • 09. Formato de archivo: PDF descargable (488 KB)
  • 10. Contenido con imágenes: Si
  • 11. Precio y moneda: 2,00 € (IVA incluido)
  • 12. Licencia del contenido: Distribución exclusiva en DEFORMA Cultura Online
  • 13. El contenido publicado es inédito: Si
  • RESULTADO REVISIÓN POR PARES: ●●●○ Relevante

No hay comentarios sobre este contenido.

Solamente los usuarios registrados pueden introducir comentarios.

Carrito  

Sin contenidos

Total 0,00 €
Todas las Noticias

Nuevos contenidos

no hay nuevos contenidos en este momento

PayPal